domingo, 21 de setembro de 2008

Uma capa muito especial






Um dia estava falando com minha mãe no telefone e quando perguntei de um dos encontros de família ela me contou do planejamento do livro do Iago. Foi então que eu quis saber: "E a minha parte?" e minha mãe respondeu: "Ah, Mimi, acho que você vai ter que ficar de fora...". Fiquei muito indignada, disse que não, que queria participar e ela deu um jeito e me mandou a capa, segundo ela, um bordado mais fácil e que daria para eu mandar rápido para o Brasil. Comecei a bordar no mesmo dia em que recebi o pano e não parei até terminar. O horário que eu mais bordava era de manhã, depois que a Paulinha ia para creche e antes do Luísmi acordar para mamar... foi muito bom escolher as linhas, ver os pontos tomando corpo e sentir-me parte do projeto familiar. Uma noite estávamos aqui em casa com os amigos e o Nanan veio me perguntar o que era e conversa vai, conversa vem, acabei conseguindo convencê-lo a fazer um pontinho, devidamente registrado pela foto que podem ver aí em cima. No fim o embalo foi enorme, consegui acabar rápido e neste momento meu bordado está voando em uma caixinha rumo ao Brasil... espero que chegue logo e especialmente espero que vocês gostem. Eu fiquei muito feliz em conseguir organizar-me para fazer o bordado, estar dentro deste projeto, mesmo estando tão longe fisicamente desta família que eu tanto amo.

2 comentários:

Rió disse...

Pôxa,MImi,que façanha,terminar tão rápido e conseguir botar o Nani pra bordar! Falei outro dia q o meu sonho agora era fazer algum homem da familia bordando,Sinceramente não pensei q o Nanan fosse o pioneiro.Será q tava subestimando os meus filhos? Beijim Mamis/Rió

marília disse...

Mimi!!! Êta aquariana arretada!!! Adorei que você está participando do projeto, que acredito terá lançamento oficial no aniversário do Iago, na festa, na verdade, que vai ser no fim-de-semana seguinte pelo que eu conversei com a Cê. Vamos ver :-) E amei que o Nanan participou com um ponto pelo menos também! E olha diz para ele que tem que ser muito macho para fazer bordado e ainda deixar registro em foto. Dei risada feito uma louca de contentamento! Um grande beijo para vocês dois e para toda a família sevilhana!